Científicas Notícias

SBRT versus Radioterapia Externa Convencional em pacientes com metástases vertebrais sintomáticas

Embora a radioterapia externa convencional seja o tratamento paliativo padrão para metástases vertebrais sintomáticas, as taxas de resposta completa da dor são 10-20%. Um estudo conduzido em 13 hospitais do Canadá e em 5 hospitais da Austrália teve como objetivo comparar as taxas de resposta completa da dor após SBRT ou radioterapia externa convencional em pacientes com metástases vertebrais sintomáticas. Foram incluídos pacientes com idade ≥ 18 anos, ECOG 0-2, metástases vertebrais comprovadas por ressonância e dolorosas, até 3 vertebras consecutivas no campo de tratamento, escore de instabilidade vertebral < 12 e ausência de sintomas de compressão medular ou cauda equina. O grupo SBRT recebeu 24Gy/2Fx e o grupo radioterapia externa convencional recebeu 20Gy/5Fx, ambos em dias consecutivos. Foram randomizados 229 pacientes (SBRT n=114, radioterapia externa convencional n=115), com follow-up médio foi 6,7 meses e análise por intenção de tratamento. Aos 3 meses, a taxa de resposta completa de dor foi 35% no grupo SBRT e 14% no grupo radioterapia externa convencional (p=0.0002). A diferença se manteve significativa aos 6 meses e após análise multivariada (p=0.003), sem diferença na ocorrência de eventos adversos agudos grau 3-4, que foram baixos em ambos os grupos (SBRT 5%, radioterapia externa convencional 4%). Os resultados sugerem que o uso de SBRT é apropriado no contexto paliativo para controle de dor, com aumento da taxa de resposta completa da dor.

Para acessar o artigo na íntegra: https://doi.org/10.1016/S1470-2045(21)00196-0

Dra. Julise Arpini Balvedi
Médica Rádio-oncologista no Hospital São Vicente de Paulo

Congresso SBRT

Novo horário de atendimento

ECR

RT 2030

Encontre um Especialista