Institucionais Notícias

Retrospectiva da Gestão 2017-2020

Encerrou-se, no último dia 15/11/20, a gestão da Diretoria do Triênio 2017-2020 da Sociedade Brasileira de Radioterapia. Liderada pelo Presidente Arthur Accioly Rosa, a gestão se caracterizou por uma mudança no modelo de trabalho da Sociedade, principalmente em aspectos de profissionalização das atividades, integração dos associados e formalização das relações institucionais. Esse último ano foi ainda mais difícil visto a questão da pandemia, com cancelamento de eventos científicos, reprogramação de atividades, culminando com o Congresso Brasileiro acontecendo de forma virtual. Foram anos de muito trabalho, dedicação, resiliência e comprometimento.

A seguir, uma descrição das principais atividades da gestão:

– Organização do XX Congresso Brasileiro de Radioterapia em Belo Horizonte;

– Organização conjunta da II Semana Brasileira de Oncologia no Rio de Janeiro;

– Organização do I Best of ASTRO Brasil;

– Organização do I Simpósio Brasileiro de Metástases Cerebrais;

– Organização do II Best of ASTRO e Simpósio de Braquiterapia que precisaram ser cancelados por conta da pandemia;

– Organização do XXII Congresso Brasileiro de Radioterapia que mudou para virtual por conta da pandemia;

– Organização do Seminário Educacional Virtual sobre Proton Terapia, com 3 edições e participação de audiência de 10 Países;

– Assinatura de termo cooperativo com a Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN);

– Assinatura de termo cooperativo com a ESTRO (Sociedade Europeia de Radioterapia);

– Assinatura de termo cooperativo com a Associação Brasileira de Física Médica (ABFM);

– Assinatura de termo cooperativo o Grupo Brasileiro de Câncer de Cabeça e Pescoço (GBCP);

– Assinatura de termo cooperativo com o Grupo Brasileiro de Tumores Ginecológicos (EVA);

– Trabalho cooperativo com o LACOG (Latin American Cooperative Oncology Goup) para criação de um núcleo de pesquisa em radioterapia;

– Ações institucionais com Organizações de pacientes como o Instituto Oncoguia, TJCC (Todos Juntos Contra o Câncer) e ABCBG (Associação Brasileira de Câncer de Boca e Garganta);

– Fortalecimento dos laços com a Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC) e Sociedade Brasileira de Cirurgia Oncológica (SBCO) com processo de organização da III Semana Brasileira de Oncologia a acontecer em novembro de 2021;

– Mudança da identidade visual da SBRT;

– Fortalecimento da nova marca da SBRT com estratégias junto a associados e parceiros;

– Reforma da sede;

– Reorganização e atualização dos equipamentos e dos sistemas de informática da sede;

– Criação e modernização do sistema de associados da SBRT;

– Reorganização dos modelos de pagamentos de anuidades do sócio com disponibilização de cartão de crédito;

– Contratação de nova assessoria contábil;

– Reorganização de recursos humanos de apoio a Diretoria;

– Atualização do Estatuto Social da SBRT com modernização de processos e formalização de responsabilidades do Corpo Diretivo;

– Criação de núcleo de marketing e divulgação com fortalecimento da presença em mídias sociais;

– Renovação do site da SBRT;

– Criação de aplicativo para smartphone para melhor comunicação com os associados, dispondo ainda de com ferramentas técnicas para radioterapia e de banco de aulas para educação continuada;

– Publicação da revista comemorativa aos 20 anos da SBRT (registro com informações históricas);

– Publicação do Consenso de Hipofracionamento de Mama na RAMB;

– Realização do Consenso de Hipofracionamento de Próstata que virou diretriz e deve ser publicado ainda esse ano;

– Profissionalização do Concurso de Título de Especialista SBRT/AMB;

– Reunião técnica para formatação de documento para submissão de demanda de inclusão de IMRT no rol de procedimentos da ANS com apoio da AMB;

– Trabalho junto a Associação Médica Brasileira em frentes de Defesa Profissional, Cientifica e Institucional (a SBRT tem assento no Conselho Deliberativo);

– Participação como associação fundadora do Instituto Brasil de Medicina, organização médica criada para representação de interesses junto a parlamentares em Brasília;

– Ações junto ao Ministério da Saúde com interação direta com três dos quatro últimos Ministros da Saúde;

– Participação na construção do modelo de codificação da tabela do SUS, publicada em 22/02/2019;

– Participação em grupos de trabalho no Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República;

– Representação Institucional no X Fórum Nacional do Ensino Médico;

– Representação Institucional na Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados;

– Representação Institucional na FIOCRUZ/MS no fórum de trabalho de alocação de especialistas médicos no País;

– Participação do Projeto City Cancer Challenge;

– Participação no Fórum de Compliance Médico da AMB;

– Representação institucional na inauguração da primeira fábrica de aceleradores lineares da America Latina;

– Representação institucional na Agência Internacional de Energia Atômica (IAEA), em Viena, para discussão de radioterapia em âmbito global;

– Participação na campanha Troque o Medo por Esperança da SBCO;

– Recebimento do Prêmio Otacilio Cunha da CNEN;

– Recebimento do Prêmio DocTalks pelo segundo melhor congresso de mais de 4000 pessoas com a II Semana Brasileira de Oncologia;

– Participação na Sessão Latino Americana do ASTRO em 2018, 2019 e 2020;

– Participação do Best of ASTRO Argentina;

– Atividade junto a IAEA para ações de resposta a pandemia de COVID em serviços de radioterapia (mundial com mais de 1000 participantes e regional para America Latina);

– Criação da medalha Marie Curie de honra ao mérito a pessoal que fizeram diferença no fortalecimento da radioterapia nacional;

– Reorganização e formalização da BJO – Brazilian Journal of Oncology – revista cientifica da SBOC/SBCO/SBRT;

– Conclusão dos trabalhos para formalização da nova matriz de competências para os Programas de Residência Médica em Radioterapia;

– Ações de resposta a pandemia do COVID-19: recomendações oficiais, interação junto a CNEN e CFM para flexibilização temporária de normas para garantir funcionamento dos serviços, participação em guidelines de doenças específicas, dentre outros;

– Condução do Projeto RT2030, juntamente com a Fundação Dom Cabral, para um diagnóstico da realidade da radioterapia nacional em 2020 e projeção de ações para  que em 2030 todos tenha acesso a radioterapia e a uma radioterapia de qualidade. O relatório final deve ser publicado em janeiro de 2021.

– Realização de um censo nacional de radioterapia a ser publicado juntamente com o relatório final do RT2030.

RT 2030

Encontre um Especialista