Científicas Notícias

Trabalho brasileiro sobre radioterapia estereotáxica é apresentado no simpósio americano de tumores gastrointestinais (ASCO GI)

O grupo de Radioterapia e Oncologia do Hospital Sírio-Libanês de Brasília apresentou dois trabalhos sobre o papel da radioterapia estereotáxica em pacientes com tumores gastrointestinais oligometastáticos no simpósio americano de câncer gastrointestinal (ASCO GI 2020).

O primeiro trabalho descreveu a experiência do serviço em tratar 75 pacientes com tumores gastrointestinais oligometastáticos com radioterapia estereotáxica. Dados demográficos, de controle local e sobrevida livre de progressão foram apresentados.

O segundo trabalho selecionou 32 pacientes com câncer colorretal oligometastático que tiveram os sítios de doença macroscópica tratada com radioterapia estereotáxica. Ao controlar adequadamente a doença grosseira, o trabalho mostrou que é possível postergar em 12,7 meses tempo para troca de linha de tratamento sistêmico ou para interrupção das férias de quimioterapia.

Os trabalhos foram importantes para mostrar que tratamento local com radioterapia estereotáxica é viável e seguro, com resultados promissores que podem influenciar positivamente o tratamento do câncer colorretal oligometastático, com impacto na qualidade de vida dos pacientes e até nos custos do tratamento.

Clique no link abaixo para ter acesso aos trabalhos na integra:

https://meetinglibrary.asco.org/record/182619/abstract 

https://meetinglibrary.asco.org/record/182145/abstract

Eventos

RT 2030

Encontre um Especialista