CONITEC decide não incorporar Radioterapia Intraoperatória no SUS

A Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (CONITEC) decidiu não incorporar a radioterapia intraoperatória como procedimento específico para o tratamento do câncer de mama em estádios iniciais sem acometimento linfático axilar (0, I ou II com N0), em dose única, adjuvante à mastectomia parcial, no âmbito do Sistema Único de Saúde – SUS. Acompanhe na página: http://conitec.gov.br/decisoes-sobre-incorporacoes.

Esta é a segunda decisão de não incorporação de procedimentos de radioterapia este ano. Em janeiro último, a CONITEC decidiu não incorporar um procedimento específico para radioterapia de intensidade modulada (IMRT) para o tratamento de tumores de cabeça e pescoço em estágio inicial e localmente avançado no âmbito do SUS, em relatório técnico não ressonante às recomendações internacionais ou mesmo da saúde suplementar no país.

O relatório técnico completo de recomendação sobre IMRT da CONITEC está disponível em: http://conitec.gov.br/images/Relatorios/2016/Relatorio_IMRT_final.pdf

Qual sua opinião sobre a importância destes dois procedimentos no âmbito SUS ?


05b


autor_sbrt

Comentários

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.